Songbooks
O-Melhor-de-Roupa-Nova
Para adquirir:

Em lojas de instrumentos e de partituras ou online no website dos Irmãos Vitale.

O melhor de Roupa Nova

Autor:
Edição:
Editora Irmãos Vitale

“No cenário brasileiro, o Roupa Nova paira absoluto no seu gênero” – escrevi em artigo publicado no jornal O Dia, em 9 de junho de 1985. A frase esconde algum preconceito com a opção pop do grupo, ao mesmo tempo em que sublinha mais uma vez a excelência de seu desempenho. Mas, ouvidas hoje, em tempos de rap, Racionais e quejandos, as músicas do Roupa Nova soam como clássicos. Por isso, nada mais justo que vesti-las, como faz a Vitale, com o traje a rigor dos pentagramas.

Roberto M. Moura

* * *

Prefácio de Roberto M. Moura
Partituras: Melodias e cifras para guitarra, violão e teclados
Nº de músicas: 23

Repertório

A viagem
Amar é
Anjo
Bem simples
Brisa da manhã
Canção de verão
Chama
Clarear
Começo, meio e fim
Coração pirata
Dona
Estado de graça
Felicidade
Lumiar
O homem louco
Perdoa
Roupa nova
Sábado
Sensual
Simplesmente
Vira de lado
Vôo livre
Whisky a go-go

Outros Títulos
Rock-Brasil-Vol-1 O melhor do Rock Brasil, volume I

Canções saborosas, diretas, de comunicação imediata. Se há alguma coisa que se pode destacar no que ficou conhecido como o Rock Brasil é isso. Mais do que a atitude, mais do que as caras, as roupas e as guitarras são …

Rock-Brasil-Vol-2 O melhor do Rock Brasil, volume II

Quem perdeu o primeiro livro, deve correr atrás – mas não precisa pressa. Afinal, encontra também aqui, nesse volume 2 de O melhor do Rock Brasil, um desfile do que esses jovens, com guitarras nas mãos e muitas idéias na …

O-Melhor-de-Legiao-Urbana O melhor de Legião Urbana

Até a chegada deste documento, temíamos pelo esquecimento da Legião Urbana e de Renato Russo, tragada e reciclada como lixo urbano. Façamos justiça a Uma outra estação, disco-testamento que Dado e Bonfá lançaram meses após a morte de Renato, mas …

Raul-Seixas---Rock-Book- Rock book Raul Seixas

Eu é que não me sento no trono de um apartamento, com a boca escancarada cheia de dentes, esperando a morte chegar. Este trabalho não pertence ao passado. Ele é presente. Ele é futuro. Paulo Coelho * * * Partituras …

Aplicativo Luciano Alves
para Mobiles